Tags

, ,

Para quem tem filhos o acesso ao sistema de saúde é uma das principais preocupações.

Como fazer se o meu filhos ficar doente? Terá direito a médico de família? Quais são os custos e como aceder aos serviços?

O sistema de saúde é conhecido como NHS (National Health Service) e o acesso é gratuito. Para inscrever bastará saber qual o centro de saúde mais perto (health center) e para isso é só aceder ao site do NHS colocar o código postal.

Não sei se todo os centros funcionam da mesma forma, mas no meu caso foi tudo muito simples. Para me inscrever só precisei de me dirigir ao meu centro de saúde, preencher o formulário e entregar alguns documentos (Cartão de Cidadão, comprovativo de morada). No caso dos adultos foi necessário ainda medir a tensão, pesar e levar urina para análise. No caso das crianças foi necessário deixar o boletim de vacinas para verificarem se estavam actualizadas. Uma vez que o boletim está em Português e com siglas e autocolantes, houve alguma dificuldade em esclarecer. Aconselho por isso antes de virem a pedirem um comprovativo de quais as vacinas tomadas e em que idades.

No que respeita ao acesso, até  à data não tive qualquer problema. Quando uma das crianças ficou doente bastou-me ir ao centro e marcar consulta que ficou para o próprio dia. A marcação pode ser feita online ou por telefone.
Os centros de saúde funcionam normalmente apenas os dias de semana e durante o horário de trabalho. No caso de doença e necessidade de aceder a um médico fora destas horas há o NHS direct que diponibiliza uma linha telefónica (semelhante ao saúde24) e um site onde se poderá fazer o despite e se necessário o encaminhamento. Eu utilizei uma vez a linha telefónica e fiquei satisfeita.

Em situações urgentes devemo-nos dirigir directamente ao hospital e/ou ligar o 999 ou 112. O Reino Unido mantém o 999 como o número nacional de emergência e é este que é anunciado e divulgado mas se ligarmos o 112 o resultado é o mesmo.