Tags

, , , ,

Quando decidimos vir para Londres eu estava a receber o subsidio de desemprego e achei que o iria perder embora fosse meu objectivo vir procurar emprego.

Não sei como mas no meio das minhas pesquisas descobri que era possível transferir o subsidio para o Reino Unido, aliás para qualquer País da União Europeia.

Mas como fazê-lo? Tive alguma dificuldade em encontrar a informação práctica e depois de algumas viagens em vão ao Centro de Emprego e à Segurança Social, consegui  transferir o meu subsidio de desemprego. Primeiro há que estar a receber o SD há mais de 4 semanas e só podemos pedir a transferência pelo período de 3 meses (90 dias).

Então aqui estão os passos que dei para fazer a coisa acontecer:

Primeiro fui ao Centro de emprego em que se estava inscrita e comuniquei que vinha para Londres à procura de emprego na data X.

Com a cópia da declaração fui à Segurança Socia. Ttem que ser o Centro Distrital da nossa área de residência e no departamento das relações e acordos internacionais. No meu caso foi em Setúbal no edifício da SS que fica junto ao Porto de Setúbal.

Fiz o pedido de transferência (modelo U2) como tratei das coisas em cima da hora, solicitei que me enviassem para a minha morada no Reino Unido, demorou 4 dias. Acho que o prazo médio para entregar o modelo U2 são 5 dias.

Para não haver suspensão do subsídio temos que nos inscrever no centro de emprego do pais acolhedor no prazo de 7 dias. Eu como vim com a família atrás e época Natalícia não consegui nesse prazo pelo que fiquei com o subsidio suspenso, ou seja, não recebi esses dias.

Para me inscrever no Centro de Emprego foi simples, dirigi-me ao centro de emprego da minha área e expliquei que queria fazer a transferência (import the benefit), marcaram-me uma entrevista para o dia seguinte. Também podemos ligar para este número 0845 604 3719 e marcar a entrevista.

Nesta primeira entrevista eles pedem algumas informações sobre nós, qual a nossa formação, que tipo de emprego estamos à procura e explicam também as regras que são: apresentação quinzenal na qual temos que mostrar quais as diligencias que fizemos para a procura de emprego. Temos que registar num cadernito todas as diligências,  no mínimo 3 por semana. Como se trata de uma transferência não fazemos qualquer acordo de procura de emprego. Eles fazem só o controle se de facto estamos à procura de emprego.

Para saber mais:

Your Europe

Guia Prático do Subsídio de Desemprego (página 10)

JobSeekers – portal do governo de UK com informção sobre procura de emprego e subsídios (jobseekers)